CES - Casa Espírita Sentimento
Bom dia! Seja bem vindo. Segunda-feira, 19 de novembro de 2018.

 

 

Casa Espírita Sentimento - Estudo de Sábado das 9 horas às 10 horas.

 

Planejamento de Estudo do Livro

 

 

O Evangelho Segundo o Espiritismo

 

 

Número de aulas / ano: 37 aulas

Início das aulas: 07/03/2014 (sábado)

Término das aulas: 28/11/2014 (sábado)

 

OBJETIVOS DO ESTUDO:

 

Geral:

·         Estudar de forma sistematizada o livro O Evangelho Segundo o Espiritismo, de forma a possibilitar ao grupo, um roteiro seguro de orientação moral para enfrentar os problemas dos dias de hoje e para os que possam vir.

 

 

Específicos do Livro:

·         Conhecer O Evangelho Segundo o Espiritismo na sua estrutura organizacional, ordenação lógica e progressiva;

·         Ressaltar que o ensino moral é o grande objetivo desta obra;

·         Destacar que a universalidade dos ensinos dos espíritos é que faz a força da Doutrina Espírita (princípio da concordância);

·         Apresentar Sócrates e Platão como os precursores da ideia Cristã;

·         Identificar e diferenciar a lei divina da lei mosaica;

·         Compreender a ligação entre as ideias do Cristo e da Doutrina Espírita, e sua relação com a ciência;

·         Perceber a vida futura como um dos grandes ensinamentos do Cristo;

·         Compreender que existem diferentes estados da alma após morte;

·         Reconhecer as diferentes categorias de mundos habitados;

·         Destacar a importância da ideia da reencarnação trazida pelo Espiritismo como forma de levantar o véu sobre uma série de questões insolúveis com a visão da unicidade da existência;

·         Compreender o sofrimento, com base na justiça de Deus, segundo a ótica da Doutrina Espírita;

·         Identificar e comparar os ensinos trazidos por Jesus com os da Doutrina Espírita;

·         Compreender o que Jesus queria dizer com o consolador prometido;

·         Desenvolver o conceito de humildade, pureza de coração;

·         Trabalhar os conceitos de misericórdia; indulgência e perdão;

·         Aprofundar o entendimento dos conceitos de egoísmo e caridade;

·         Validar o sentido do ensinamento “amai os vossos inimigos”;

·         Refletir em torno dos conceitos de vingança e ódio;

·         Conscientizar-se sobre os conceitos de caridade material / moral;

·         Entender o conceito de beneficência;

·         Perceber a importância do comprometimento familiar;

·         Ampliar o entendimento de família com relação aos laços consanguíneos e espirituais;

·         Reconhecer que a prática da caridade está ao alcance de todos os homens;

·         Verificar e validar os caracteres do homem de bem;

·         Entender o mecanismo do processo seletivo na hora da escolha dos servidores fiéis;

·         Refletir em torno dos conceitos de porta estreita (salvação) e porta larga (perdição);

·         Reconhecer que o conhecimento da Doutrina Espírita nos traz entendimento e responsabilidades;

·         Desenvolver o conceito de fé humana e divina;

·         Reconhecer a necessidade de fortalecer a fé raciocinada para que ela seja inquebrantável, em qualquer momento da existência;

·         Perceber a importância de sermos trabalhadores da vinha do Senhor como grande oportunidade de crescimento;

·         Refletir sobre a importância da educação mediúnica;

·         Perceber e compreender o contínuo intercâmbio entre o mundo espiritual e material;

·         Compreender a diferença entre a lei de amor e a lei humana com relação à união conjugal;

·         Refletir em torno do divórcio como um progresso da lei humana;

·         Analisar as passagens atribuídas a Jesus que aparentemente são contraditórias;

·         Explicar que os ensinamentos de Jesus foram transmitidos segundo as possibilidades de entendimento do povo à sua época;

·         Entender que a Doutrina Espírita vem, nos dias de hoje, lançar luz sobre diversas passagens de Jesus que na época não puderam ser desdobradas;

·         Compreender a mediunidade como uma das formas de despertamento humano para a continuidade da vida após a morte;

·         Entender a responsabilidade do trabalho mediúnico;

·         Compreender a importância da prática da mediunidade com Jesus;

·         Reconhecer a importância do estudo e da meditação em torno da mediunidade;

·         Reconhecer o valor, a eficácia e a ação da prece;

·         Justificar a importância de se orar pelos Espíritos sofredores, e a repercussão da prece para eles;

·         Refletir em torno da oração dominical (Pai Nosso);

 

 

 

PLANO DE APRESENTAÇÃO

 

MARÇO

 

07/03 – Introdução ao Estudo do O Evangelho Segundo o Espiritismo.

Expositor: Coordenação

Objetivos:

          Perceber como o grande objetivo desta obra o ensino moral.

          Explicar que O Evangelho Segundo o Espiritismo não segue uma ordem cronológica conforme as anotações dos evangelistas.

          Saber que as passagens bíblicas contidas em O Evangelho Segundo o Espiritismo foram agrupadas e classificadas por Kardec de maneira que se deduzissem, quanto possível, umas das outras.

          Conhecer as divisões da sociedade judaica na época de Jesus.

          Reconhecer Sócrates e Platão como os precursores da ideia Cristã e do Espiritismo.

          Verificar a semelhança entre a doutrina de Sócrates e Platão com a Doutrina espírita.

          Entender que a universalidade do ensino dos espíritos da credibilidade a Doutrina Espírita (princípio da concordância).

          Compreender que o valor das palavras na época de Jesus difere da atualidade.

 

Conteúdo:

          Análise do prefácio.

          Análise da estrutura organizacional (Objetivo da obra).

          Prefácio Introdução

1.       Objetivo desta obra

2.       Autoridade da Doutrina Espírita. Controle universal do ensinamento dos espíritos

3.       Notícias históricas.

4.       Sócrates e Platão, precursores da ideia cristã e do Espiritismo. Resumo da doutrina de Sócrates e Platão.

Bibliografia Complementar: O Céu e o Inferno (Intervenção dos Demônios nas Modernas Manifestações – Capítulo X – 1º parte)

 

14/03 – Não Vim Destruir a Lei. (Capítulo I)

Expositor: Capuchinhos

Objetivos:

          Conhecer o quadro dos evangelistas.

          Analisar quadro demonstrativo das parábolas de Jesus (sinóticos).

          Sintetizar aspectos de O novo testamento.

          Distinguir e explicar a lei divina da lei mosaica

          Compreender a ligação entre as ideias do Cristo, da Doutrina Espírita e sua relação com a ciência.

 

Conteúdo:

          Itens 1 e 2

1.       As três revelações – Moisés, Jesus e o Espiritismo.

          Itens 3 a 11

1.       Cristo.

2.       O Espiritismo.

3.       Aliança da Ciência com a Religião.

4.       Instruções dos espíritos - A nova era.

Bibliografia Complementar: O Céu e o Inferno (Da Proibição de Evocar os Mortos – Capítulo XI – 1º parte)

 

21/03 – Meu Reino Não é Deste Mundo. (Capítulo II)

Expositor: Irmãos Menores

Objetivos:

          Perceber a vida futura como um dos grandes ensinamentos do Cristo.

 

Conteúdo:

          Itens 1 a 8

1.       A vida futura.

2.       A realeza de Jesus.

3.       O ponto de vista.

4.       Instruções dos espíritos

Bibliografia Complementar: O Céu e o Inferno (O Futuro e o Nada – Capítulo I e O Temor da Morte – Capítulo II – 1º parte)

 

28/03 – Há Muitas Moradas na Casa de Meu Pai. (Capítulo III)

Expositor: Jardim de Inês

Objetivos:

          Reconhecer que a alma após a morte poderá se encontrar em diferentes estados.

          Esquematizar as diferentes categorias de mundos habitados.

         Explicar, à luz da Doutrina Espírita, que a Terra não é o único planeta habitado e que Jesus já falava sobre isso.

 

Conteúdo:

          Itens 1 a 7

1.       Diferentes estados da alma na erraticidade.

2.       Diferentes categorias de mundos habitados.

3.      Destinação da Terra. Causas das misérias terrestres.

Bibliografia Complementar:

 

 

ABRIL

 

04/04 - Há Muitas Moradas na Casa de Meu Pai. (Capítulo III)

Expositor: Jardim de Clara

Objetivos:

          Explicar cada categoria de mundos habitados existente no Universo.

          Entender, que assim como as almas, os mundos também progridem.

 

Conteúdo:

          Itens 8 a 19

1.       Instruções dos espíritos:

- Mundos superiores e mundos inferiores

- Mundos de expiações e de provas

- Mundos regeneradores

- Progressão dos mundos

Bibliografia Complementar:

 

11/04 - Ninguém Pode Ver o Reino de Deus se Não Nascer de Novo. (Capítulo IV)

Expositor: Irmão Francisco

Objetivos:

          Conceituar ressurreição e reencarnação.

          Compreender o uso da palavra ressurreição à época do Cristo.

          Comparar e analisar as diferenças e aproximações dos termos ressurreição e reencarnação.

 

Conteúdo:

          Itens 1 a 17

1.       Ressurreição e Reencarnação

Bibliografia Complementar:

 

18/04 - Ninguém Pode Ver o Reino de Deus se Não Nascer de Novo. (Capítulo IV)

Expositor: Irmão Sol

Objetivos:

          Explicar como a reencarnação fortalece os laços de família.

          Compreender que a reencarnação visa sempre o progresso e não uma punição de Deus.

          Conscientizar-se que não há um número fixado de reencarnações para os espíritos.

 

Conteúdo:

          Itens 18 a 26

1.       Laços de família fortalecidos pela reencarnação e rompidos pela unicidade da existência.

2.       Instruções dos espíritos:

- Limites da encarnação.

- Necessidade da encarnação

Bibliografia Complementar:

 

25/04 – Bem-Aventurados os Aflitos. (Capítulo V)

Expositor: Irmão Bernardo

Objetivos:

          Correlacionar os atributos da divindade (justiça, bondade e misericórdia) com a justiça das aflições.

          Compreender que todo sofrimento está ligado à Lei de Causa e Efeito.

          Explicar que o sofrimento pode ser decorrente dessa existência ou de existências anteriores.

          Conscientizar-se da importância do esquecimento do passado.

 

Conteúdo:

          Itens 1 a 11

1.       Justiça das aflições

2.       Causas atuais das aflições

3.       Causas anteriores das aflições

4.       Esquecimento do passado

Bibliografia Complementar: O Céu e o Inferno (Expiações Terrestres – Capítulo VIII – 2º parte)

 

 

MAIO

 

02/05 - Bem-Aventurados os Aflitos. (Capítulo V)

Expositor: Mocidade Wilker

Objetivos:

          Refletir em torno da resignação com base na justiça divina.

          Explicar como a Doutrina Espírita provê meios de preservar contra o suicídio e a loucura.

          Refletir que a fé é o remédio certo para o sofrimento.

 

Conteúdo:

          Itens 12 a 20

1.       Motivos de resignação

2.       O suicídio e a loucura

3.       Instruções dos espíritos:

- Bem e mal sofrer.

- O mal e o remédio.

- A felicidade não é deste mundo.

Bibliografia Complementar: O Céu e o Inferno (O Céu – Capítulo III, O Purgatório – Capítulo V – 1º parte e Suicidas – Capítulo V – 2º parte)

 

09/05 – Bem-Aventurados os Aflitos. (Capítulo V)

Expositor: Pós Mocidade

Objetivos:

          Compreender e deduzir que o estudo da Doutrina Espírita seguido de reflexão, nos proporciona meios de darmos um sentido ao sofrimento.

 

Conteúdo:

          Itens 21 a 31

1.       Instruções dos espíritos:

- Perda de pessoas amadas. Mortes prematuras.

- Se fosse um homem de bem teria morrido.

- Os tormentos voluntários.

- A desgraça verdadeira.

- A melancolia.

- Provas voluntárias. O verdadeiro cilício.

- Deve-se pôr um fim às provas do próximo?

- É permitido abreviar a vida de um doente que sofre sem esperança de cura?

- Sacrifício da própria vida.

- Proveito dos sofrimentos para outros.

Bibliografia Complementar: O Céu e o Inferno (Suicidas – Capítulo V – 2º parte)

 

16/05 – O Cristo Consolador. (Capítulo VI)

Expositor: Irmão Lua

Objetivos:

          Correlacionar a passagem de Jesus quando falava do consolador prometido com a Doutrina Espírita. Terceira revelação.

          Compreender e sentir que os ensinamentos trazidos por Jesus estão contidos e explicados de forma clara e lógica na Doutrina Espírita.

          Compreender a importância de instruí-vos e amar-vos e a proposta do consolo.

 

Conteúdo:

          Itens 1 a 8

1.       O jugo leve.

2.       Consolador prometido.

3.       Instruções dos espíritos:

- A vinda do Espírito de Verdade

Bibliografia Complementar:

 

23/05 – Bem-Aventurados os Pobres de Espírito. (Capítulo VII)

Expositor: Coordenação

Objetivos:

          Desenvolver o conceito de humildade.

          Perceber que um estudo constante e reflexivo de O Evangelho Segundo o Espiritismo é um forte e sério agente que nos facilitará percorrer mais rapidamente nossa escala evolutiva.

          Refletir sobre a direção da nossa inteligência.

 

Conteúdo:

          Itens 1 a 13

1.       O que é preciso entender por pobres de espírito.

2.       Todo aquele que se eleva será rebaixado.

3.       Mistérios ocultos aos sábios e aos prudentes.

4.       Instruções dos espíritos:

- O orgulho e a humildade.

- Missão do homem inteligente na Terra.

Bibliografia Complementar: O Céu e o Inferno (Espíritos Felizes (M. Jobard/ Jean Reynaud/ Srta. Emma / Sra. Anaïs Gourdon) – Capítulo II – 2º parte e Espíritos Endurecidos(A Rainha de Oude/ Xumène) – Capítulo VII – 2º parte)

 

30/05 – Bem-Aventurados os que têm o Coração Puro. (Capítulo VIII)

Expositor: Capuchinhos

Objetivos:

          Desenvolver o conceito de pureza no seu mais profundo sentido (pensamentos, palavras e atos).

          Refletir nas potências do sentimento/pensamento e verificar se estão de acordo com os ensinamentos de Jesus.

          Refletir seriamente nas palavras do Cristo quando ele compara os pequeninos aos homens de boa vontade.

          Refletir o conceito evangélico de escândalo, suas características e consequências.

 

Conteúdo:

          Itens 1 a 10

1.       Deixai vir a mim os pequeninos.

2.       Pecado por pensamento. Adultério.

3.       Verdadeira pureza. Mãos não lavadas.

          Itens 11 a 21

1.       Escândalos. Se a vossa mão é motivo de escândalo, cortai-a.

2.       Instruções dos espíritos:

- Deixar vir a mim os pequeninos.

- Bem-aventurados os que têm fechado os olhos.

Bibliografia Complementar: O Céu e o Inferno (Expiações Terrestres (Françoise Vernhes/ Joseph Maître) – Capítulo VIII – 2º parte)

 

 

JUNHO

 

06/06 – Bem-Aventurados os que são Mansos e Pacíficos. (Capítulo IX)

Expositor: Irmãos Menores

Objetivos:

          Reconhecer que quanto mais nº de virtudes alcançarmos de mais paz desfrutaremos.

          Explicar que todas essas virtudes serão alcançadas gradativamente, dentro do processo de crescimento de cada um (experiências e reencarnações).

          Conscientizar-se que injúrias, violências, cólera, ainda fazem parte do nosso planeta (provas e expiações) e que deverão ser extirpadas.

 

Conteúdo:

          Itens 1 a 10

1.       Injúrias e violências.

2.       Instruções dos espíritos:

- A afabilidade e a doçura

- A paciência

- Obediência e resignação

- A cólera

Bibliografia Complementar: O Céu e o Inferno (As Penas Futuras Segundo a Doutrina Espírita – Capítulo VII – 1º parte)

 

13/06 – Bem-Aventurados os que são Misericordiosos. (Capítulo X)

Expositor: Jardim de Inês

Objetivos:

          Analisar os conceitos de perdão, reconciliação, e perceber que o orgulho é o maior obstáculo ao nosso progresso.

          Desenvolver a ideia de “compreensão do próximo" como forma de se chegar ao perdão das ofensas.

          Compreender a necessidade de ver primeiro o mal que esta em nós.

 

Conteúdo:

          Itens 1 a 13

1.       Perdoai para que Deus vos perdoe.

2.       Reconciliar-se com seus adversários.

3.       O sacrifício mais agradável a Deus.

4.       O argueiro e a trave no olho.

5.       Não julgueis para não serdes julgados.

6.       Que aquele que está sem pecado, atire a primeira pedra.

Bibliografia Complementar: O Céu e o Inferno (Doutrina das Penas Eternas – Capítulo VI – 1º parte)

 

20/06 – Bem-Aventurados os que são Misericordiosos. (Capítulo X)

Expositor: Jardim de Clara

Objetivos:

          Compreender e aplicar os conceitos de perdão e indulgência.

 

Conteúdo:

          Itens 14 a 21

1.       Instruções dos espíritos:

- O perdão das ofensas

- A indulgência

- É permitido repreender os outros, observar as imperfeições dos outros, divulgar o mal dos outros?

Bibliografia Complementar:

 

27/06 – Dia utilizado pela Evangelização.

Expositor: Alessandra e convidados.

 

 

JULHO

 

04/07 - Amar o Próximo como a si Mesmo. (Capítulo XI)

Expositor: Irmão Francisco

Objetivos:

          Compreender o valor do mandamento maior.

          Ampliar o entendimento dos conceitos de egoísmo e caridade.

          Perceber o que é de Deus e o que é do mundo.

 

Conteúdo:

          Itens 1 a 7

1.       O maior mandamento. Fazer aos outros o que desejamos que os outros nos façam.

2.       Parábola dos credores e dos devedores.

3.       Dai a César o que é de César

Bibliografia Complementar:

 

11/07 – Amar o Próximo como a si Mesmo. (Capítulo XI)

Expositor: Irmão Sol

Objetivos:

          Ampliar o entendimento dos conceitos de caridade, amor e fé.

          Compreender que o egoísmo é a Chaga da humanidade.

 

Conteúdo:

          Itens 8 a 15

1.       Instruções dos espíritos:

- A lei de amor

- O egoísmo

- A fé e a caridade

- Deve-se expor a vida por um malfeitor?

Bibliografia Complementar: O Céu e o Inferno (Criminosos Arrependidos (Lemaire/ Jacques Latour) – Capítulo VI e Espíritos Endurecidos (Angèle/ Um Espírito Entediado) – Capítulo VII – 2º parte)

 

18/07 – Amai os Vossos Inimigos. (Capítulo XII)

Expositor: Irmão Bernardo

Objetivos:

          Entender a necessidade de retribuir o mal com o bem.

          Perceber o verdadeiro sentido do ensinamento "amai os vossos inimigos".

 

Conteúdo:

          Itens 1 a 8

1.       Retribuir o mal com o bem.

2.       Os inimigos desencarnados.

3.       Se alguém vos bater na face direita, apresentai-lhe também a outra.

Bibliografia Complementar: O Céu e o Inferno (Os Anjos – Capítulo VIII – 1º parte)

 

25/07 – Amai os Vossos Inimigos. (Capítulo XII)

Expositor: Mocidade Wilker

Objetivos:

          Detalhar os efeitos de vingança e ódio.

          Comparar o sentido / emprego da palavra duelo à época de Kardec e nos dias de hoje.

 

Conteúdo:

          Itens 9 a 16

1.       Instruções dos espíritos:

- A vingança

- O ódio

- O duelo

Bibliografia Complementar: O Céu e o Inferno (Os Demônios – Capítulo IX – 1º parte)

 

 

AGOSTO

 

01/08 – Que a Vossa Mão Esquerda não Saiba o que dá a Vossa Mão Direita. (Capítulo XIII)

Expositor: Pós Mocidade

Objetivos:

          Explicar os conceitos de caridade material / moral e solidariedade.

          Conscientizar-se da importância da prática da caridade material e moral.

 

Conteúdo:

          Itens 1 a 10

1.       Fazer o bem sem ostentação.

2.       Os infortúnios ocultos.

3.       O óbolo da viúva.

4.       Convidar os pobres e os estropiados.

5.       Ajudar sem esperar retribuição.

6.       Instruções dos espíritos:

- A caridade material e a caridade moral

Bibliografia Complementar: O Céu e o Inferno (Espíritos Felizes (Bernardin / Condessa Paula) – Capítulo II – 2º parte)

 

08/08 – Que a Vossa Mão Esquerda não Saiba o que dá a Vossa Mão Direita. (Capítulo XIII)

Expositor: Irmão Lua

Objetivos:

          Compreender e aplicar os conceitos de beneficência.

 

Conteúdo:

          Itens 11 a 20

1.       Instruções dos espíritos:

- A beneficência.

- A piedade.

- Os órfãos.

- Benefícios pagos com a ingratidão.

- Beneficência exclusiva.

Bibliografia Complementar: O Céu e o Inferno (Espíritos Felizes (Dr. Demeure / Viúva Foulon / Um Médico Russo) – Capítulo II – 2º parte)

 

15/08 – Honrai Vosso Pai e Vossa Mãe. (Capítulo XIV)

Expositor: Coordenação

Objetivos:

          Perceber a importância do comprometimento familiar.

          Ampliar o entendimento de família com relação aos laços consanguíneos e espirituais.

 

Conteúdo:

          Itens 1 a 9

1.       Piedade filial

2.       Quem é minha mãe e quem são meus irmãos?

3.       Parentesco corporal e o parentesco espiritual.

4.       Instruções dos espíritos:

- A ingratidão dos filhos e os laços de família.

Bibliografia Complementar: O Céu e o Inferno (Espíritos Felizes (Victor Lebufle/ Maurice Gontran) – Capítulo II – 2º parte)

 

22/08 – Fora da caridade não há salvação. (Capítulo XV)

Expositor: Capuchinhos

Objetivos:

          Reconhecer a caridade como o principal instrumento de salvação.

          Explicar o sentido do termo salvação (estado d´alma; certeza do dever cumprido).

 

Conteúdo:

          Itens 1 a 10

1.       O que é preciso para ser salvo. Parábola do bom samaritano.

2.       O maior mandamento.

3.       Necessidade da caridade segundo São Paulo.

4.       Fora da igreja não ha salvação. Fora da verdade não ha salvação.

5.       Instruções dos espíritos:

- Fora da caridade não há salvação.

Bibliografia Complementar:

 

29/08 – Não se Pode Servir a Deus e a Mamon. (Capítulo XVI)

Expositor: Irmãos Menores

Objetivos:

          Reconhecer a prática da caridade como salvação para os ricos e não ricos. (salvação= estado d´alma; dever cumprido).

          Constatar que a riqueza não pode ser utilizada somente para sua satisfação pessoal, porque somos depositários e não proprietários dela.

          Perceber a utilidade do trabalho e o bom uso da inteligência.

          Perceber a necessidade do desapego.

 

Conteúdo:

          Itens 1 a 7

1.       Salvação dos ricos.

2.       Preservar-se da avareza.

3.       Jesus em casa de Zaqueu.

4.       Parábola do mau rico.

5.       .Parábola dos talentos.

6.       .Utilidade providencial da riqueza.

7.       Provas da riqueza e da miséria.

          Itens 8 a 15

1.       Desigualdade das riquezas

2.       Instruções dos espíritos:

- A verdadeira propriedade

- Emprego da riqueza

- Desprendimento dos bens terrenos

- Transmissão da riqueza

Bibliografia Complementar:

 

SETEMBRO

 

05/09 – Sede perfeitos. (Capítulo XVII)

Expositor: Jardim de Inês

Objetivos:

          Analisar e refletir em torno dos caracteres do homem de bem.

          Compreender e valorizar a importância de se tentar ser um bom espírita.

          Conceituar dever e virtude.

          Refletir sobre o conceito de superioridade / inferioridade à luz do mundo e da Doutrina Espírita.

          Distinguir e analisar a questão do homem no mundo e o homem "do mundo".

          Considerar a importância de se cuidar tanto do espírito quanto do corpo.

 

Conteúdo:

          Itens 1 a 6

1.       Caracteres da perfeição

2.       O homem de bem.

3.       Os bons espíritas.

4.       Parábola do semeador.

          Itens 7 a 11

1.       Instruções dos espíritos:

- O dever

- A virtude

- Os superiores e os inferiores

- O homem no mundo

- Cuidar do corpo e do espírito

Bibliografia Complementar: O Céu e o Inferno (A Passagem – Capítulo I e Espíritos Felizes (Senhor Sanson/ Samuel Filipe / Antoine Costeau/ Dr. Vignal/ Sr. Van Durst/ Sixdeniers) – Capítulo II, Espíritos Numa Condição Mediana (Joseph Bré/ Eric Stanislas/ Sr. Cardon/ O Marquês de Saint-Paul) – Capítulo III – 2º parte)

 

12/08 – Muitos os Chamados e Poucos os Escolhidos. (Capítulo XVIII)

Expositor: Jardim de Clara

Objetivos:

          Compreender o mecanismo do processo seletivo na hora da escolha dos servidores fiéis.

          Refletir em torno dos conceitos de porta estreita (salvação) e porta larga (perdição).

          Conscientizar-se de que o conhecimento da Doutrina Espírita nos traz entendimento e responsabilidades.

 

Conteúdo:

          Itens 1 a 16

1.       Parábola do banquete de núpcias.

2.       A porta estreita.

3.       Os que dizem: Senhor! Senhor! Não entrarão todos no reino dos céus.

4.       Muito se pedirá àquele que muito recebeu.

5.       Instruções dos espíritos:

- Dar-se-á àquele que tem

- Reconhece-se o cristão pelas suas obras

Bibliografia Complementar: O Céu e o Inferno (O Inferno – Capítulo IV – 1º parte)

 

19/09 – A Fé Transporta Montanhas. (Capítulo XIX)

Expositor: Irmão Francisco

Objetivos:

          Perceber o valor da parábola da figueira que secou, segundo a Doutrina Espírita.

          Explicar os conceitos de fé humana e divina.

 

Conteúdo:

          Itens 1 a 12

1.       Poder da fé.

2.       A fé religiosa. Condição da fé inabalável.

3.       Parábola da figueira seca.

4.       Instruções dos espíritos:

- A fé, mãe da esperança e a da caridade.

- A fé divina e a fé humana.

Bibliografia Complementar:

 

26/09 – Os Trabalhadores da Última Hora. (Capítulo XX)

Expositor: Irmão Sol

Objetivos:

          Perceber a importância de sermos trabalhadores da vinha do senhor como grande oportunidade de crescimento.

 

Conteúdo:

          Itens 1 a 5

1.       Instruções dos espíritos

- Os últimos serão os primeiros

- Missão dos espíritas

- Os trabalhadores do Senhor

Bibliografia Complementar:

 

 

OUTUBRO

 

03/10 – Haverá Falsos Cristos e Falsos Profetas. (Capítulo XXI)

Expositor: Irmão Bernardo

Objetivos:

          Reconhecer a necessidade do comprometimento com os ensinos cristãos e a constância no estudo da Doutrina Espírita.

          Refletir sobre a importância da educação mediúnica (estudo e reflexão aprofundados).

          Perceber que existe um contínuo intercâmbio entre o mundo espiritual e o material.

 

Conteúdo:

          Itens 1 a 11

1.       Conhece-se a árvore pelo seu fruto.

2.       Missão dos profetas.

3.       Prodígios dos falsos profetas.

4.       Não acrediteis em todos os espíritos.

5.       Instruções dos espíritos:

- Os falsos profetas.

- Caracteres do verdadeiro profeta.

- Os falsos profetas da erraticidade.

- Jeremias e os falsos profetas.

Bibliografia Complementar:

 

10/10 – Não Separeis o que Deus Juntou. (Capítulo XXII)

Expositor: Mocidade Wilker

Objetivos:

          Compreender a diferença entre a lei do amor e a lei humana com relação à união conjugal.

          Refletir em torno do divórcio como um progresso da lei humana.

 

Conteúdo:

          Itens 1 a 5

1.       Indissolubilidade do casamento.

2.       O divórcio.

Bibliografia Complementar:

 

17/10 – Estranha Moral. (Capítulo XXIII)

Expositor: Pós Mocidade

Objetivos:

          Perceber a época sem que Jesus fez estas colocações.

          Considerar o sentido/uso das palavras para cada povo, cultura e época.

          Explicar passagens atribuídas a Jesus que, aparentemente, parecem contraditórias.

          Refletir em torno da determinação que deve ter aquele que se propõe a seguir o Cristo.

          Compreender a profundidade dos conceitos de Jesus e da Doutrina Espírita e os resultados/repercussões que eles provocam no seio das sociedades.

 

Conteúdo:

          Itens 1 a 18

1.       Quem não odeia seu pai e sua mãe.

2.       Abandonar seu pai, sua mãe e seus filhos.

3.       Deixai aos mortos o cuidado de enterrar seus mortos

4.       Não vim trazer a paz, mas a divisão.

Bibliografia Complementar: O Céu e o Inferno (Espíritos Numa Condição Mediana – Capítulo III – 2º parte)

 

24/10 – Não Coloqueis a Candeia Debaixo do Alqueire. (Capítulo XXIV)

Expositor: Irmão Lua

Objetivos:

          Explicar que os ensinamentos de Jesus foram transmitidos segundo as possibilidades de entendimento do povo à sua época.

          Explicar que a Doutrina Espírita vem, nos dias de hoje, lançar luz sobre diversas passagens de Jesus que na época não puderam ser desdobradas.

 

Conteúdo:

          Itens 1 a 7

1.       A candeia debaixo do alqueire. Por que Jesus fala por parábolas.

Bibliografia Complementar:

 

31/10 – Dia utilizado pela Evangelização.

Expositor: Alessandra e convidados.

 

 

NOVEMBRO

 

 

07/11 – Não Coloqueis a Candeia Debaixo do Alqueire. (Capítulo XXIV)

Expositor: Coordenação

Objetivos:

          Perceber que cada indivíduo/coletividade tem seu tempo próprio de despertamento para as leis divinas.

          Compreender que a mediunidade não é só propriedade dos espíritas.

          Entender a mediunidade como uma das formas de despertamento humano para a continuidade da vida após a morte.

          Considerar a importância de se dizer espírita diante da sociedade.

 

Conteúdo:

          Itens 8 a 19

1.       Não procureis os gentios.

2.       Não são os que estão bem de saúde que precisam de médico

3.       Coragem da fé.

4.       Carregar sua cruz. Quem quiser salvar sua vida, a perderá.

Bibliografia Complementar:

 

14/11 – Buscai e Achareis. (Capítulo XXV)

Expositor: Capuchinhos

Objetivos:

          Desenvolver a ideia de ligação com o plano espiritual sem esquecer que, para progredir, é preciso esforço próprio.

 

Conteúdo:

          Itens 1 a 11

1.       Ajuda-te, e o céu te ajudará.

2.       Observai os pássaros do céu.

3.       Não vos canseis pela posse do ouro.

Bibliografia Complementar:

 

21/11 – Dai Gratuitamente o que Recebestes Gratuitamente. (Capítulo XXVI)

Expositor: Irmãos Menores

Objetivos:

          Perceber a responsabilidade do trabalho mediúnico.

          Valorizar a importância da prática da mediunidade com Jesus.

          Validar a importância do estudo e da meditação em torno da mediunidade.

 

Conteúdo:

          Itens 1 a 10

1.       Dom de curar.

2.       Preces pagas.

3.       Mercadores expulsos do templo.

4.       Mediunidade gratuita.

Bibliografia Complementar:

 

28/11 – Pedi e Obtereis. (Capítulo XXVII)

Expositor: Jardim de Inês

Objetivos:

          Reconhecer o valor, a eficácia e a ação da prece.

          Explicar os mecanismos (físicos) da transmissão do pensamento (fluidos - FCU).

          Entender a maneira certa de orar.

          Refletir sobre a importância de se orar pelos espíritos sofredores e a repercussão da prece para eles.

          Sentir a prece como um bálsamo que suaviza e cura todos os males.

 

Conteúdo:

          Itens 1 a 15

1.       As qualidades da prece.

2.       Eficácia da prece.

3.       Ação da prece.

4.       Transmissão do pensamento.

          Itens 16 a 23

1.       Preces compreensíveis.

2.       Da prece pelos mortos e pelos espíritos sofredores.

3.       Instruções dos espíritos:

- Maneira de orar

- A ventura da prece

Bibliografia Complementar: O Céu e o Inferno (Espíritos Sofredores – Capítulo IV – 2º parte)

 

 

 

CES - Casa Espírita Sentimento
Casa Espítita Sentimento - Lar de Clara e Francisco | Brasil © Out/2013 | Powered By: ML Family | Todos os Direitos Reservados.